Maio 2020

Marcas de super/hipermercados mantêm-se aquelas cuja publicidade é a mais recordada.

O receio de ser contaminado e a falta de alimentos continuam a ser as duas situações que melhor traduzem o receio dos Luandenses, que hoje apresentam um índice de receio em ser contaminado superior ao verificado no início de abril.

Máscaras/produtos de desinfeção, eletrodomésticos/eletrónica de consumo e vestuário/calçado são as categorias que lideram as novas compras online dos portugueses.

As audiências, em PC, de sites de comércio electrónico sofreram relevantes alterações face aos 12 meses anteriores. Confira.

Os dados mais recentes do Barómetro Covid19 da Marktest revelam que os prazos de entrega e o valor dos portessão os aspectos que mais limitam as compras online.

Segundo um estudo da Marktest, aumenta a percentagem de inquiridos que afirmam que irão às grandes superfícies quando reabrirem, mas persiste o sentimento de que a ida constitui um risco elevado.

Confira os mais recentes dados do Barómetro Covid19 da Marktest Angola.

Segundo o mais recente Barómetro Covid19 da Marktest, 29% dos portugueses assumem que têm feito mais compras online do que faziam anteriormente.

Inquiridos pela Marktest entendem que os portugueses irão passar férias de verão com recurso ao aluguer de casas em detrimento das unidades hoteleiras.

Nova vaga de compradores digitais, reforço da importância da produção local e maior consciência sobre o custo dos produtos ou serviços são três das tendências de consumo que estão a emergir com a pandemia. Esta é a conclusão da mais recente edição do Barómetro Global Covid-19 da Kantar, realizado em 30 países, incluindo Portugal, através da parceria Marktest-Kantar Insights Divisi...

Todo o conteúdo está apenas disponível para utilizadores registados.