Angolanos receosos com contactos com regiões mais afetadas por COVID19

Os dados da sondagem de opinião realizada pela Marktest Angola em quatro províncias do território angolano - Benguela, Luanda, Huambo e Huíla – revelam que a grande maioria dos inquiridos receia a aproximação de pessoas que chegam de zonas onde a contaminação do vírus é mais elevada.

No que respeita à atitude a tomar relativamente a pessoas que chegam de zonas onde a contaminação

...

Todo o conteúdo está apenas disponível para utilizadores registados.