Newsletter nº 7

21/05/2020

Esta foi a pergunta que a Marktest colocou em mais um estudo de opinião e a resposta foi clara: vai depender dos canais onde forem transmitidos. Confira os resultados do nosso estudo.

A alteração de comportamentos mais significativa nestes primeiros dias de retoma de alguma normalidade, é o uso de máscaras, com 85% dos portugueses referir estar a usá-las mais que antes.

Uma análise do consumo de Internet, na 10ª semana em que os portugueses foram chamados a permanecer confinados.

Inquiridos pelo Barómetro Covid19 da Marktest, os portugueses entendem que se irá optar por beber café em casa e por serviços de take away dos restaurantes.

Um em cada 4 entrevistados no Barómetro Covid19 da Marktest dizem que o seu maior receio é a falência da economia nacional.

Visitar familiares, dar um abraço a um amigo, almoçar/jantar com a família, passear na rua sem restrições - é por isto que anseiam os portugueses neste período de lento regresso à "normalidade".

NOS sobe à segunda posição das marcas cuja publicidade é mais recordada em Portugal.

Gradualmente, os portugueses parecem estar a retomar os seus hábitos de compra anteriores ao confinamento.

Preocupação e ansiedade dominam o estado de espírito dos portugueses, segundo sondagem do Barómetro Covid19 da Marktest.

Entrevistados pela Marktest Angola, a grande maioria dos luandenses afirmam manter-se informados sobre a pandemia através da Tv.

Maioria dos inquiridos pela Marktest não pensa ir a Centros Comerciais assim que reabrirem, por considerarem um risco elevado.